Barra de Pesquisa

terça-feira, 30 de abril de 2019

Tragédia em Marajá do Sena, caminhão tomba na ladeira e uma pessoa morre no acidente

Na tarde desta terça-feira(30), um caminhão tombou na ladeira que fica na MA 323, na chegada da cidade de Marajá do Sena no Maranhão. 

 Segundo informações, o caminhão apresentou problemas mecânicos e terminou por tombar na ladeira.    Uma pessoa morreu, e outras  três que  também estavam no caminhão, ficaram gravemente feridas.

Entenda o caso: Uma senhora da Cidade de Brejo de Areia, vendeu um caminhão modelo- 14.000 para um vereador  da mesma cidade dela, mas, que esse vereador mora na cidade  de  Marajá do Sena, Acontece que esse vereador não teria pago o caminhão e a dona  mandou buscar o mesmo,  que estava em Marajá do Sena. E nesta tarde de terça-feira(30), quatro homens vinhero  buscar o carro, ambos em três motos modelo CRF.

Acredita -se, que dois vinheram em uma só moto, E os outros dois  cada um em uma moto.  O acidente ocorrera no momento em que eles já estariam voltando para casa, pois já iam decendo a ladeira do Marajá como é  chamada, sentido  Paulo Ramos, na chegando no povoado Pio X (10), quando o condutor do carro que vinha dirigindo, perdeu o controle do caminhão e desceu a ladeira, saindo da estrada.

Não sabemos da velocidade do caminhão no momento  do acidente, mas a batida foi tão grande, que o caminhão  capotou, ficando virado, Mas, com a frente virada para trás.

As informações são de que os quatro homens que foram de motos, vinham todos no caminhão, E as motos  vinham em cima da carroceria do carro.

Ainda de acordo com pessoas que estavam próximo ao local do acidente e  que  presenciaram tudo como aconteceu: minutos após o acidente  um senhor que vende rede em um Fiat  chegou no local e socorreu um que estava aparentemente mais grave, levando para o centro de saúde de Marajá do Sena  mas a gravidade era tanta,  que esse não resistiu e veio a óbito em seguida . A Pessoa que  morreuem decorrência do acidente, seria  Jeferson Chaves  de  Sampaio, de 24 anos, conhecido pelo codinome de "Tulio ".

Em seguida, chega o senhor Waldir, morador do povoado Olho d'água dos Crentes em seu carro, uma F-4.000 e levou os outros três para Paulo Ramos.

Em relação aos três que foram levados para Paulo Ramos, nós da redação desse blog, até  o momento não temos novas  informações, Mas ficaremos na expectativa de boas novas notícias.

A qualquer momento  na medida em que passamos apurar as informações, estaremos atualizando está mesma postagem.







Fonte: Blog do Carlinhos 


Morre aos 72 anos no Rio de Janeiro a cantora e compositora Beth Carvalho

A cantora e compositora Beth Carvalho morreu no Rio nesta terça-feira (30), aos 72 anos. Ela estava internada no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul da cidade, desde o início de 2019. A causa da morte ainda não foi divulgada.
Com mais de 50 anos de carreira e dezenas de discos gravados, Beth Carvalho é um dos maiores nomes do samba e considerada madrinha de artistas como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e Jorge Aragão – daí o apelido “Madrinha do Samba”.
Um problema na coluna já afligia a cantora havia algum tempo. Em 2009, Beth Carvalho chegou a cancelar sua apresentação no show de réveillon, na Praia de Copacabana, por causa de fortes dores. Em 2012, a cantora se submeteu a uma cirurgia na coluna. No ano seguinte, Beth foi homenageada pela escola de samba Acadêmicos do Tatuapé, no carnaval de São Paulo, mas não participou do desfile já por motivos de saúde. Lu Carvalho, sobrinha de Beth, foi quem representou a tia na ocasião.

Fonte: globo .com 

Policia Militar prende irmãs Taynar e Taynara, suspeitas de planejar e matar jovem em Matinha no Maranhão

As acusadas 
- A Polícia Militar prendeu na manhã desta segunda-feira (29) as irmãs Tainar dos Santos e Tainara dos Santos, suspeitas de terem matado a golpes de faca a jovem Kelrry Daiana Mouzinho no dia 9 de abril em Matinha, a 222 km de São Luís.

A polícia encontrou as duas escondidas na cidade de Rosário, em um local chamado 'Beco do Ribeira'. Após a prisão, ambas foram levadas à Delegacia Regional de Rosário.

O crime

A vítima 
De acordo com o delegado David Noleto, durante uma festa em um povoado de Matinha, Kelrry Mouzinho, de 25 anos, teria se envolvido em uma discussão com as irmãs Tainar dos Santos e Tainara dos Santos. Logo depois, elas trocaram ofensas por meio de uma rede social.

Ainda segundo a polícia, Tainar e Tainara chegaram armadas na casa de Kelrry e a mataram por aproximadamente, seis golpes de faca. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Após prestarem depoimento, as duas suspeitas foram liberadas para responder em liberdade porque já havia passado o prazo do flagrante do crime. No entanto, as duas foram presas nesta segunda (29) após uma decisão da Justiça.

Por: Victor Macedo
Fonte: G1 - MA.

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Presidente Jair Bolsonaro assina decreto que revoga o horário brasileiro de verão

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quinta-feira, 25, o decreto que revoga o horário de verão. A assinatura ocorreu durante cerimônia no Palácio do Planalto. O texto deve ser publicado posteriormente no Diário Oficial da União.

Bolsonaro já havia anunciado no início do mês, em uma rede social, a decisão de acabar com o horário de verão neste ano. Durante a assinatura, o presidente disse que o hábito dos brasileiros mudaram e o horário de pico de gasto de energia é às 15h.

“O deputado João Campos (PRB-GO) nos procurou para falar dessa medida com um estudo bem detalhado. Pedimos mais estudos ao Ministério de Minas e Energia e também para a área da saúde. A conclusão foi que não há economia e que, mesmo sendo uma hora, afeta o relógio biológico das pessoas”, explicou.

Durante a cerimônia de assinatura do decreto, Bolsonaro disse que, pessoalmente, não gostava do horário de verão e estava feliz em assinar essa medida. “Estamos atendendo um justo anseio da população. E eu concordo poque eu sempre reclamei do horário de verão. Agora estamos atendendo também a pesquisas que fizemos. Mais de 70% era favorável ao fim do horário de verão.”

Bolsonaro citou ainda que a medida pode ser positiva, porque não vai mais mexer com o relógio biológico “e pode aumentar a produtividade do trabalhador”.

Fim da medida

Até o ano passado, os relógios eram adiantados em uma hora em estados da região Sul, Sudeste e Centro Oeste do Brasil entre os meses de outubro e fevereiro. O objetivo da ação é aproveitar melhor a luz do sol durante o verão e evitar o sobrecarregamento do sistema elétrico. Porém, o Ministério de Minas e Energia afirma que desde 2016, estudos apontam efeitos neutros na economia de energia.

O horário de verão foi adotado pela primeira no Brasil em 1931, no governo de Getúlio Vargas, e está em vigor, sem interrupção, há 35 anos.

O fim do horário de verão não é uma pauta nova no Planalto. Em 2017, o então presidente Michel Temer chegou a anunciar uma enquete para deliberar sobre o assunto. A enquete não foi realizada e o horário foi mantido.

Em 2018, o horário de verão, que começa tradicionalmente em outubro, foi encurtado. Temer atendeu a um pedido do Tribunal Superior Eleitoral para que o início do período não ocorresse entre o primeiro e segundo turno da eleição.

O Planalto chegou a informar que, a pedido do Ministério da Educação, a entrada em vigor do horário seria adiada novamente para não prejudicar provas do Enem, mas decidiu voltar atrás.

Fonte: veja.abril.com.br

Mais uma vítima de execução à tiros em Lago da Pedra no interior do Maranhão

Segundo informações apuradas por este blog, na noite deste domingo(28), por volta das 23:40hs, mais um jovem, foi assassinado à tiros em Lago da Pedra.  

 A vitima era, Sanclei Bezerra Lima de Souza,(idade não revelada), que  trabalhava em fabricação  de móveis planejados, em uma fábrica  localizada na avenida Maura Jorge, Vila dos Pássaros em Lago da Pedra-MA.

 Sanclei estava em um bar na avenida Rosena Sarney,  quando foi executado à  tiros à queima roupas, morrendo no local.  Até o momento não temos informações sobre o que a polícia descobriu sobre quem seria o assassino da vítima.

 Mais informações  a qualquer  momento.

Fonte  Mário Júnior. 

domingo, 28 de abril de 2019

Fazendeiro é executado a tiros no interior do Maranhão

O dono de uma fazenda em João Lisboa foi executado com três disparos de arma de fogo no açougue Ayrton Senna, no bairro em Imperatriz.

De acordo com informações repassadas pelo açougueiro, a vítima estaria tomando cerveja quando o pistoleiro chegou efetuou três tiros que atingiram a cabeça do fazendeiro. A Polícia trabalha com a hipótese de crime de pistolagem, devido suas características.

Segundo o Portal G1 Maranhão, são vários casos de mortes por encomendas  tiveram motivação política. Veja a lista, conforme o site:

O assassinato nesta terça-feira (23) do vereador de Maranhãozinho, João Pereira Serra (PSD), foi a oitava execução de um vereador em menos de quatro anos no Maranhão. O G1MA realizou um levantamento retirando casos suspeitos de suicídio ou que não foram assassinato. Além dos oito vereadores, um prefeito foi morto em oito municípios diferentes.

Veja a lista dos políticos mortos por ordem cronológica no MA

Vereador de Santa Luzia, Cícero Ferreira, no dia 3 de maio de 2015

Vereador de Governador Nunes Freire, Esmilton Pereira, no dia 23 de agosto de 2016

Vereador de Cidelândia, Paulo Baiano, no dia 21 de setembro de 2016

Vereador de Godofredo Viana, César da Farmácia, no dia 7 de dezembro de 2016

Vereador de Anajatuba, Miguel do Gogó, no dia 15 de abril de 2017

Vereador de Governador Nunes Freire, Kedson Rodrigues, no dia 25 de agosto de 2017

Vereador de Apicum Açu, Jorge Cunha, no dia 2 de janeiro de 2018

Prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva, no dia 11 de novembro de 2018

Vereador de Maranhãozinho, João Pereira Serra, no dia 23 de abril de 2019

O vereador João Pereira era conhecido como Jango e chegou a ser presidente da Câmara de Vereadores de Maranhãozinho. Ele foi executado no município de Santa Luzia do Paruá por vários tiros de revolver calibre 38.

Motivações políticas

Antes do vereador João Pereira, o caso do prefeito de Davinopólis, Ivanildo Paiva (PRB), é o mais recente. Ele tinha 57 anos e foi encontrado morto na manhã do dia 11 de novembro do ano passado. Durante o inquérito, oito pessoas foram presas, incluindo o vice-prefeito, José Rubem Firmino, apontado como mandante do crime.

A motivação da morte teria sido promessas não cumpridas a José Rubem, como o pagamento de R$ 300 mil após a reeleição da chapa, além de Ivanildo não ter entregue ao vice o controle político da Secretaria de Educação do município. Esses acordos teriam sido feitos a época da campanha quando ambos buscavam a reeleição.

Outro caso no qual houve motivação política foi a morte do vereador de Godofredo Viana, César da Fármacia, em dezembro de 2016. Segundo a polícia, o presidente da Câmara de Vereadores, Francisco do Nascimento, teria tentado negociar sua permanência na presidência, mas como não conseguiu influenciar César, optou por matar Cesar Augusto.

O crime ainda contou com a participação do vereador José Gomes da Silva. Na época, a polícia declarou que ele tinha ficado na suplência durante as eleições e pretendia assumir o cargo de vereador com a morte do César, e posteriormente votar pela permanência de Francisco Nascimento na presidência da Câmara.

Fonte: Blog Luís Cardoso

terça-feira, 23 de abril de 2019

Vereador da Cidade de Maranhãozinho é executado a tiros nesta manhã no município de Santa Luzia do Paruá

O vereador João Pereira Serra (PSD), também conhecido como “Jango”, foi executado a tiros no início da manhã desta terça-feira (23), no município de Santa Luzia do Paruá, a 370 km de São Luís. 

Ele tinha 46 anos e era vereador da cidade de Maranhãozinho, a 232 km da capital.

Segundo a polícia, o vereador foi executado por dois homens, que ainda não foram identificados, por volta das 6h, quando ele saía da fazenda do pai dele por uma estrada de terra rumo à BR-316, situada na zona rural de Santa Luzia do Paruá.

De acordo com a polícia, o vereador do PSD foi atacado pelos suspeitos que dispararam vários tiros de revólver calibre 38 e também de escopeta.

 Após o crime, os assassinos de João Pereira Serra, fugiram em direção a uma área de mato na região da cidade de Santa Luzia do Paruá e ainda não foram capturados pelos policiais.

Fonte: G1 -  MA

segunda-feira, 22 de abril de 2019

Absurdo - Sem motivos e sem explicação PM agride policial civil em Poção de Pedras

As imagens viralizaram nas redes sociais e são chocantes. Um policial civil é agredido por policiais militares e jogado no camburão, bem na porta da delegacia de Poção de Pedras (MA). A mulher do policial civil, que filmava tudo, também foi agredida. São cenas de barbárie, truculência e despreparo, incompatíveis com o que a sociedade espera de uma polícia. Claro que não se deve generalizar, este não costuma ser o padrão de abordagens da PM/MA. De modo que espera-se do Comando e da Secretaria de Segurança que tudo seja devidamente apurado de forma isenta e os responsáveis punidos.

 Júnior saindo da delegacia de Poção de Pedras, em seguida ele foi agredido
O fato ocorreu por volta das 22h da última quinta-feira (19). Este redator somente soube ontem e hoje de manhã falou com o policial civil Antonio Edson, o Júnior, lotado em Caxias há cerca de 30 anos, onde mantém uma conduta ilibada, sendo benquisto por pessoas dos mais diversos segmentos sociais – Júnior é, inclusive, membro da maçonaria já há muito tempo.

De acordo com Júnior, ele e a família foram passar o feriado em Poção de Pedras, na casa de um amigo. O dia teria transcorrido normalmente. À noite, Júnior, a mulher, a filha e um casal de amigos foram dar uma volta de carro e resolveram estacionar numa praça de pouco movimento. Foi quando o policial civil percebeu quando uma viatura da PM estacionou a cerca de 10 metros. Depois de uns 10 minutos, ainda segundo Júnior, os pm’s se dirigiram ao grupo de amigos e falaram que eles deveriam deixar a cidade, pois estavam dando cavalo de pau e incomodando com som alto. O policial civil conta que se identificou, porém os militares mantiveram-se irredutíveis, Júnior, a família e os amigos teriam de deixar a cidade.

Então, o policial civil dirigiu-se à delegacia de Polícia Civil de Poção de Pedras, quando fora informado pelo carcereiro que o delegado não estava. Ele conta que quando deixava a delegacia foi novamente abordado pela mesma equipe de pm’s – que estava no quartel que fica em frente à delegacia. Foi quando ocorreram os atos de violência mostrados nas filmagens feitas pelo celular da mulher do policial Júnior.

Levado algemado e no camburão para a Delegacia Regional de Pedreiras, o policial civil prestou depoimento e foi liberado em seguida.

NAMORADA

Júnior contou a este redator que não sabe o porquê de os pm’s terem agido daquela maneira, pois em momento algum foi dado cavalo de pau ou ligado som em volume exagerado. Entretanto, o policial civil disse ter ficado sabendo depois que o amigo dele de Poção de Pedras, que acompanhava o grupo naquela noite, estaria namorando uma ex-namorada do sargento que comandava a guarnição militar, o que pode ter gerado toda a ira.

Fonte: Blog do Carlos Barroso

sábado, 20 de abril de 2019

Segurança total é confirmada para a maior festa da região com a banda paixão de vaqueiro hoje(20) no povoado Sindô 1

A polícia Militar do Maranhão esteve visitando as instalações do novo e grande clube de festas e eventos, que será inaugurado hoje sábado de aleluia, no povoado Lagoa do Sindô 1, no município de Lago da Pedra . 

A banda paixão de vaqueiro, será a atração principal de hoje, e contará com  segurança total ; além da polícia Militar que estará matendo a segurança do povo durante a festa, seguranças particulares foram contratados para auxiliar a polícia na questão segurança. 

A movimentação na comunidade já começa a crescer, tendo em vista que varias comitivas de vaqueiros virão para a festa do vaqueiro. 

Os rallys que sairão hoje sábado de Lago da Pedra, terão como destino, o povoado  Sindô 1,  sendo que hoje na região de Lago da Pedra, Sindô é o único lugar que haverá festa neste dia.

Três Lagos, Unha de Gato, Plays, Lagoa Grande, Lagoa Seca, e toda região de Lago da Pedra, terão como destino, a festa do Sindô 1, hoje sábado de aleluia, com a banda sensação do momento com Maik Alan e banda paixão de vaqueiro.

A expectativa é de que em torno de quatro mil pessoas possam participar da festa do vaqueiro hoje no povoado Lagoa do Sindô 1, que fica localizada a cerca de 45  km aproximadamente de Lago da Pedra, E 22 km de Lagoa Grande do Maranhão as margens  da MA-245.

O clube tem capacidade para cerca de 6.000 pessoas. 

sexta-feira, 19 de abril de 2019

Morte do maior babalorixá do Maranhão Bita do Barão repercute em todo Brasil



Autoridades e entidades se manifestaram sobre a morte do líder religioso, que faleceu nesta quinta-feira (18). Bita do Barão é considerado um dos maiores líderes umbandistas do Brasil.

Entidades e políticos se manifestaram sobre a morte do Pai de Santo, Bita do Barão, que faleceu na tarde desta quinta-feira (18) na UTI de um hospital particular de Teresina, no Piauí.

Bita do Barão estava internado há 10 dias devido a uma infecção pulmonar, agravando para um problema renal e de pressão alta. De acordo com a família, ele aguardava liberação médica para ser transferido para uma UTI móvel na casa dele, em Codó, localizado a 290 km de São Luís.

A morte do líder umbandista maranhense repercutiu bastante no estado. Entidades, órgãos governamentais e políticos emitiram notas de pesar sobre o falecimento de Bita do Barão. Confira a repercussão:

A Federação de Umbanda e Culto Afro-Brasileiro do Maranhão (FUCABMA) lamentou profundamente a passagem para o plano espiritual, afirmando que Bita do Barão teve uma esplendorosa trajetória espiritual no plano terrestre. Por fim, a nota assinada pelo presidente Biné Gomes, expressou uma grande honra pela oportunidade de aprendizado junto com o Pai de Santo, que terá lugar de destaque na memória do Povo de Santo.

O governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Igualdade Racial (SEIR) lamentou o falecimento do religioso e solidarizou com a comunidade umbandista, a família de Bita do Barão e com as lideranças religiosas dos cultos afros.

A Casa das Minas informou que recebeu com muito pesar e tristeza a notícia do falecimento do grande ícone da cultura e umbanda. Segundo a nota, Bita do Barão deixa um legado, saudades, muitos corações quebrados, mas também lindas lembranças que servem de consolo aos que ficam e sofrem com sua ausência.

A ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, também se manifestou sobre o falecimento de Bita do Barão. Por meio de nota, ela disse que o líder será sempre para o Maranhão e para o mundo uma referência de preservação do culto e religião de matrizes africanas e expressou o pesar aos familiares, amigos e seguidores do Babalorixá.


O vereador, vice-presidente da Câmara Municipal de São Luís e pai de Santo, Astro de Ogum (PR) também emitiu uma nota lamentando o falecimento de Bita do Barão. No texto, o vereador disse que a Umbanda perde um dos seus maiores filhos e manifestou condolências aos familiares, amigos e admiradores.

O líder religioso, Bita do Barão, era conhecido internacionalmente e tinha uma legião de seguidores e admiradores. — Foto: Reprodução/Redes Sociais
O líder religioso, Bita do Barão, era conhecido internacionalmente e tinha uma legião de seguidores e admiradores. — Foto: Reprodução/Redes Sociais
Velório
Segundo a família, o velório do líder umbandista será realizado ainda nesta quinta-feira (18) na Tenda Espírita Rainha Iemanjá, que fica na Rua Rui Barbosa, bairro Santa Filomena, em Codó. É esperado a presença de familiares, amigos, seguidores e admiradores do pai de Santo maranhense.

Bita do Barão
Nascido em 10 de julho de 1932, no povoado Santo Antônio dos Pretos na zona rural de Codó, no Maranhão, Wilson Nonato de Souza, conhecido popularmente por Bita do Barão, é considerado um dos grandes líderes umbandistas do Brasil. Em algumas entrevistas concedidas, o babalorixá contou que começou a manifestar seus poderes espirituais ainda na infância.

Em 24 de janeiro de 1954, Bita do Barão fundou a Tenda Espírita Rainha Iemanjá no município de Codó, localizado a 290 km de São Luís. O local atrai anualmente maranhenses, brasileiros e estrangeiros, que vão em busca do trabalho do pai de Santo.

O terreiro do ‘Mestre Bita’, como também é conhecido, é um terreiro de Umbanda e Terecô (denominação afro-brasileira típica de Codó), onde são realizados rituais de linha branca e de linha negra, este último com Exu.

Por ser uma criança muita agitada, Wilson Nonato ganhou dos pais o apelido de “Bita”, que na região de Codó quer dizer “bode” ou “cabrita”. Já o “Barão” faz referência ao Barão de Guaré, que é a entidade que o pai de Santo incorpora.

Fonte: G1 - MA

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Morre aos 106 anos Bita do Barão, o maior babalorixá do Maranhão

Bita do Barão 
Morreu nesta quinta-feira, 18, aos 106 anos, o maranhense Wilson Nonato de Souza, mais conhecido como Bita do Barão. A filha do babalorixá, Janaína Nonato de Sousa, confirmou a morte do pai de santo no início da tarde.

PUBLICIDADE

Papai Infelizmente veio a falece aqui no hospital. Estamos cuidando para o corpo ir pro Codó onde acontecerá seu velório

Bita do Barão estava internado há 10 dias no Hospital São Paulo, em Teresina, e há 4 estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O estado de saúde do babalorixá era considerado gravíssimo pelos médicos, que já descartavam a hipótese de recuperação.

O Corpo deve ser levado ainda hoje, 18, para a cidade de Codó. O velório vai acontecer na residência do pai de santo na rua Rui Barbosa, no Centro de Codó, considerada a capital brasileira da Umbanda. Os familiares de Bita estavam informando o estado de saúde do pai de santo por meio das redes sociais. Várias caravanas inclusive, já se preparavam para encontrar o babalorixá ainda com vida.

A Federação de Umbanda e Culto Afro-brasileiro do Maranhão – FUCABMA emitiu uma nota de pesar sobre a morte de Bira

Bita: o encantado Barão de Guaré

NOTA DE PESAR

A Federação de Umbanda e Culto Afro-brasileiro do Maranhão – FUCABMA lamenta profundamente a passagem para plano espiritual do Sr. Wilson Nonato de Souza, o Pai Bita do Barão de Guaré, ocorrida agora pouco na capital piauiense.

Bita do Barão iniciou sua sólida missão religiosa ainda na infância no Povoado de Santo Antônio dos Pretos, zona rural de Codó. Ao longo de muitas décadas, exerceu o ofício de liderança religiosa da Umbanda e Terecô à frente da Tenda Espírita de Umbanda Rainha Iemanjá. Dada sua grande projeção, foi considerado por muitos como o maior Babalorixá do País, atraindo milhares de pessoas de todas as partes do País e do mundo para atendimentos espirituais e acompanhamento das festividades rituais do terreiro, notadamente no mês de agosto quando se celebrava a Festa de Todos os Santos e Orixás.

Comendador da República desde o governo do Presidente José Sarney, na década de 80, Pai Bita do Barão foi vice-presidente da FUNCABMA e tema de inúmeros estudos por parte de pesquisadores e cineastas brasileiros e estrangeiros, sendo um grande expoente da salvaguarda e memória das religiões de matrizes africanas, uma vez que acolheu centenas, talvez milhares, de clientes, amigos, babalorixás e filhos-de-santo com os quais dividiu saberes e fazeres referentes à ancestralidade e resistência cultural do povo afro-maranhense.

Diante de sua esplendorosa trajetória espiritual no plano terrestre, pela qual expressamos gratidão pela honrosa oportunidade de aprendizado, temos a certeza que o Pai Bita do Barão terá lugar de destaque não apenas na memória do Povo de Santo como a de que também será bem recebido no Orum. Inspirados em sua história, seguimos na profissão de fé em busca da construção de um meio social mais humano, tolerante e amoroso que a Umbanda nos motiva.

Quem foi Bita do Barão?

Nascido em uma família pobre do povoado de São Antônio dos Pretos, onde se dançava o Terecô nas matas, por causa da repressão policial, a trajetória de Bita do Barão na religião afro-brasileira é regada a muitos mistérios. Na infância, Wilson Nonato era muito agitado, então ganhou dos pais o apelido de “Bita” que, na linguagem da cidade, quer dizer “bode”. Já a alcunha de “Barão” faz referência ao Barão de Guaré, que é a entidade que o pai de santo incorpora.

A descoberta de Bita do Barão como médium deu-se ainda na juventude, quando, incorporando Barão de Guaré, conseguiu desvendar o roubo de uma arma na cidade, dizendo o local e quem havia roubado o objeto.

A fama, além da dedicação aos cultos, deve-se às amizades com nomes influentes da política brasileira. Dentre as diversas histórias, conta a lenda que os tambores soaram dia e noite, por sete dias, nos idos de 1985, quando Tancredo Neves morreu e deixou a presidência da República ao então vice, José Sarney. Recentemente, boatos também indicam que semanas antes da votação do impeachment que derrubou Dilma Rousseff do poder, Michel Temer fez uma visita ao babalorixá. Outro que também já teria se consultado com Bita seria o ex-presidente Fernando Collor de Mello.

Poderoso todos os anos, no mês agosto, a cidade de Codó parava durante uma semana inteira para celebrar o Festejo da Tenda Espírita em que Bita do Barão é mestre. Na ocasião, os 500 filhos e filhas de santo que o seguem dançam em louvação. Há distribuição de brinquedos a crianças e banquete à vontade.

Bita do Barão, em entrevista a Globo News, afirmou: “a umbanda é uma religião que está crescendo. Mudou muito. Graças a Deus”. E, em Codó, ela parece ter encontrado terreno fértil.

Fonte  oimparcial.com.br

Alan García ex-presidente do Perú se suicida após receber ordem de prisão no caso Odebrecht

LIMA — O ex-presidente do Peru Alan García se matou na manhã desta quarta-feira em Lima com um tiro na cabeça, depois de receber uma ordem de prisão preventiva emitida pela Justiça. García, de 69 anos, era um dos quatro ex-chefes de Estado do Peru investigados sob a acusação de terem recebido suborno da construtora brasileira Odebrecht. Ele negava ter se envolvido em atos de corrupção.

PUBLICIDADE

Uma equipe especial da polícia chegou às 6h30 à casa do ex-presidente no bairro de San Antonio, em Miraflores, com a ordem de prisão preventiva por dez dias. García, então, subiu para o segundo andar dizendo que ia ligar para o seu advogado, contou o ministro do Interior, Carlos Morán. Em vez disso, o ex-presidente trancou a porta do cômodo. Quando os agentes tentaram entrar, ouviram o disparo. Ao entrar pela varanda, os policiais encontraram García sentado, com a marca de um tiro na cabeça.

 Fonte: globo.com

Bita do Barão programado para morrer e hoje é o dia D.

Bita do Barão 
Familiares do Pai de Santo Mestre Bita do Barão informaram nesta quarta-feira (17), que os médicos não deram  esperança de uma possível recuperação de sua saúde.

Mestre Bita do Barão está internado há cerca de quatro dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital, não informado, na cidade de Teresina, capital do Piauí. Ele estará em Codó nesta quinta-feira (18) para que possa passar as últimas horas de vida ao lado dos amigos e familiares.

Veja a mensagem:

“Quero aqui avisar aos filhos e amigos do Mestre Bita do Barão, que infelizmente os médicos não deram mas esperança de uma possível recuperação, quero avisar quem tiver o interesse de esta com ele com vida que amanhã 18/04/2019 ele já  estará em sua residência em Codó, esperando o chamado de Deus.”

Fonte: bmmídias.com

terça-feira, 16 de abril de 2019

Bolsonaro veta concurso público em 2020 e ainda propõe salário mínimo sem aumento real



Governo vai repor apenas inflação do ano no reajuste da remuneração básica, que chegará a 1.040 reais. Só militares terão possibilidade de alta

Em 2020 não haverá aumento real do salário mínimo no Brasil nem reajuste para servidores, com exceção de militares. Tampouco haverá concursos públicos. Foi o que decidiu o Governo Jair Bolsonaro ao formalizar o projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do ano que vem a ser enviado ao Congresso. A série de recados em nome da austeridade dividiram holofotes, no entanto, com o revés sofrido pelo Governo na tramitação da reforma da Previdência, considerada a pauta mais importante para deter o rombo nas contas públicas. A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara não atendeu o Planalto e prevê deixar a primeira votação sobre as mudanças na aposentadoria para depois da Páscoa.

A mudança mais significativa e com potencial de provocar reações é a do salário mínimo, cujo valor do ano que vem deve apenas repor as perdas inflacionárias, e não mais considerar o crescimento da economia do país, como vinha acontecendo desde 2011. O motivo é que a lei que determinava a regra de considerar também a variação do PIB expirou— tratava-se de uma fórmula dos anos petistas pensada para garantir aumento real (acima da inflação), ainda que nem sempre tenha sido exitosa—  e agora o Governo tem a chance de mudá-la. Sendo assim, a escolha da equipe de Paulo Guedes foi propor algo mais modesto, a correção da remuneração básica apenas pela inflação medida pelo índice INPC no ano anterior. Pelo novo cálculo, o valor ficará, até agora, em 1.040 reais.

MAIS INFORMAÇÕES

A cifra não é definitiva. Trata-se de uma previsão que pode ser mudada caso a inflação suba mais, por exemplo, ou por decisão de Bolsonaro por meio do decreto presidencial que fixa o mínimo, em geral no final do ano. Pode mudar também a depender do clima político. Ciente da delicadeza do tema, o próprio secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, deixou aberta a possibilidade de mudança ao afirmar que a proposta ainda não representa uma nova definição formal de política para o salário mínimo. “Estamos colocando esse valor como uma previsão, não é uma política do salário mínimo, o Governo tem até dezembro deste ano para apresentar qual será sua política de salário mínimo e assim o faremos”, disse em coletiva de imprensa, conforme registrou a agência Reuters.

A regra do mínimo já era motivo de debate, que deve voltar com força agora. O aumento real da remuneração nos últimos anos é apontado por especialistas como um dos responsáveis pela queda da pobreza no país — enquanto outro grupo de economistas criticava a fórmula por representar um peso nas contas públicas (como os benefícios da Previdência seguem o mínimo, também havia aumento real no déficit). A cada 1 real de elevação no salário mínimo, as despesas sobem 298,2 milhões de reais, segundo a equipe econômica.

Tesouras do Governo, Previdência e Petrobras

Pelo projeto de orçamento, o Governo admite esperar um déficit primário de 124,1 bilhões de reais para o Governo central (o arrecadado menos o gasto por Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social) em 2020. É um número pior do que o rombo de 110 bilhões de reais prevista pela gestão Michel Temer.

Fica formalizada também a intenção declarada equipe de Guedes de reduzir o Estado. A LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) não prevê concursos públicos nos órgãos da administração federal ou reajuste para servidores. A exceção possível são os militares, cuja reforma da Previdência embute uma plano de reestruturação de carreira com aumento de remuneração.

O agrado apenas à base do presidente Bolsonaro deve provocar ainda mais ruídos no Congresso, um ambiente em que o Planalto tem tido dificuldades para navegar. Nesta segunda, um acordo entre vários partidos na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara acabou jogando apenas para a semana que vem a primeira votação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) da Previdência. Os governistas não tiveram como se impor e a CCJ decidiu aprovar, de maneira simbólica, o chamado orçamento impositivo (que obriga o Governo a garantir recursos para parte das em emendas de parlamentares).

O Planalto mal terá tempo para digerir o revés, porque a previsão é de agenda cheia. Há a expectativa de que o Governo se pronuncie sobre o impasse em relação à política de preços dos combustíveis da estatal Petrobras. Na semana passada, Bolsonaro provocou um terremoto na Bolsa de Valores ao impedir a empresa de aumentar o preço do diesel em alinhamento ao mercado internacional. Na sexta-feira, o Planalto preferiu acalmar outra base importante, a dos caminhoneiros, que ameaça parar se não houver compensações. Após a Petrobras dizer nesta segunda que não está disposta a ceder, espera-se nesta terça que fique mais claro qual tipo de aceno Bolsonaro está disposto a dar para tirar a categoria da rota das tesouras do Governo.

Fonte: EL PAIS

População revoltada amarra Prefeito em poste por não cumprir promessas de campanha


Imagem do prefeito amarrado
- O prefeito de San Buenaventura, Javier Delgado chegou para festejar a entrega de algumas obras, mas os moradores da comunidade que visitou não estavam para festas. Delgado encontrou um grupo de eleitores indignados com a falta de compromisso do prefeito com suas promessas, dispostos a dar a "punição tradicional" para a falta de uma verdade política.

As imagens do prefeito sentado com a perna presa geraram grande impacto dentro e fora do país.

Edgar Ramos, jornalista da Rádio Fides que cobriu os eventos, disse à BBC Mundo que os moradores também ficaram chateados porque o prefeito nunca os recebeu em seu escritório municipal.

"Eles não me deixaram falar", disse o prefeito Javier Delgado à BBC Mundo, e por isso ele teve que aceitar a punição e evitar um grande conflito. 

O prefeito passou cerca de 40 minutos amarrado no poste. Não é o primeiro castigo enfrentado pelo prefeito boliviano. Os dois primeiros ocorreram em 2015 e 2016, por motivos semelhantes aos alegados pelos moradores de San José. 

Fonte: semprenoticia.com
Por Andreza Rocha 
Em 30 do 01 de 2019