Barra de Pesquisa

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Agenda de Marina Silva prevê visita a três cidades do Maranhão

Campanha de Marina Silva tem novo comando no Maranhão e candidata deve visitar o estado, passando por três cidades: São Luís, Imperatriz e Santa Inês. Cândido Lima é o coordenador.

Marina Silva (PSB) já foi oficializada candidata, mas a campanha só deve ganhar corpo no Maranhão a partir de setembro. Isto ocorre, por conta das mudanças na coordenação da campanha da presidenciável no Maranhão. Anteriormente, Luciano Leitoa por ser presidente do PSB, comandava, agora quem ganhou força foi o coordenador da Rede Sustentabilidade no Maranhão, o Cândido Lima. No entanto, a fase atual é de organização da campanha. Integrantes da Rede, mais ligados a Marina, que a Eduardo Campos, aproximam-se mais da frente da campanha presidencial, articulando as estratégias para alcançar o eleitorado maranhense.

Da coordenação da campanha de Marina Silva e coordenador da Rede, Cândido Lima, estará em São Paulo sexta-feira (29), no ato de lançamento do programa de Governo de Marina. Na oportunidade, será possível afinar com a candidata a campanha no estado.
“Estamos em fase de organização. A campanha começa efetivamente a partir do da 1º de setembro, quando já teremos material gráfico pronto e algumas definições que serão tomadas em São Paulo esta semana”, explica Cândido.

A intenção é organizar em São Luís um comitê pró-Marina suprapartidário e uma viagem da candidata ao Maranhão, quando deve passar na capital, em Imperatriz e em Santa Inês.

A troca no comando da coordenação da campanha do PSB no Maranhão, pode trazer consequências diretas na relação com a disputa de governador. Uma vez que Cândido Lima não possui a mesma proximidade com Flávio Dino (PCdoB), que Luciano Leitoa possui.

Substituição

Com a tragédia que pôs fim a vida de Eduardo Campos, Marina, sua vice, foi escolhida como substituta na corrida eleitoral, com o nome oficializado pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) na última quarta-feira (20), quando também foi escolhido o deputado federal gaúcho Beto Albuquerque como candidato a vice.

Com a substituição, uma nova campanha se inicia. Com material gráfico, propaganda eleitoral e estratégia de campanha bem diferente. Marina já anunciou, inclusive, que só irá fazer visita de apoio aos candidato que são seus aliados pessoais – aos aliados conquistado por Eduardo, a agenda deve ser cumprida por Beto Albuquerque.

No iniciou de julho, Marina esteve em São Luís, na companhia de Eduardo, abrindo a campanha dos dois e para o lançamento da candidatura da deputada estadual Eliziane Gama (PPS) a deputada federal. Na passeata de Flávio Dino (PCdoB) na Rua Grande, Centro de São Luís, que ocorreu no mesmo dia, apenas Eduardo esteve presente. E Marina deu prosseguimento a sua agenda.