Barra de Pesquisa

quinta-feira, 1 de maio de 2014

1º de Maio: Dia Internacional do Trabalhador

1983---1º-Congresso-Nacional-da-Classe-Trabalhadora---26-a-28-de-agosto---Prefeitura-Municipal-de-Sao-Bernardo-do-Campo1O 1º de maio é a data oficial do Dia Internacional do Trabalhador. Comemorado desde 1889 quando instituído pela Segunda Internacional, em Paris, organização fundada por Marx e outros revolucionários. Homenagem ao movimento dos trabalhadores iniciado a primeiro de maio na Europa e nos Estados Unidos da América do Norte, a partir da greve geral. A luta por mais salários e melhores condições de trabalho, em especial a jornada de oito horas diárias, resultou no grande avanço das mobilizações operárias, mas também com repressões violentas. Presos e condenados vários líderes operários norte-americanos, quatro dirigentes foram enforcados em 11 de novembro de 1887: August Spies, Adolf Fischer, Albert Parsons e George Engel. A jornada diária de oito horas de trabalho foi estabelecida na França em 23 de abril de 1919 e o primeiro de maio instituído como feriado nacional. No Brasil, o 1º de maio é feriado nacional a partir do Decreto nº4.859, de 26 de setembro de 1924 (DOU 28/9/1924), pelo Presidente da República Arthur da Silva Bernardes, "consagrado à confraternização universal das classes operárias e à comemoração dos mártires do trabalho". A declaração de feriado nacional foi confirmada na revolução de 1930 por Getúlio Vargas, Chefe do Governo Provisório, com o Decreto nº19.488, de 15 de dezembro de 1930 (DOU 19/12/1930), "consagrado à confraternização universal das classes operárias".